sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Quatro Olhos

 

É rico o olhar seguro

Quatro olhos no mesmo rumo

Quatro pernas na mesma trilha

Vemos atrás do morro.

          Cúmplices entrelaçados

          Siameses do destino

          Não desviamos da rota

          Nos guiamos e seguimos

Nenhum é voto vencido

Há acordo e plano

Rumo decidido a dois

          Nada é de apenas um

          Tudo é tudo de verdade

          Uma gaveta, duas vidas

Um comentário:

Compulsão Diária disse...

A vida em perspectiva! Com alguns tropeços ...mas, pra trás, nunca mais!